terça-feira, 27 de julho de 2010

Anilhas - Verdadeiras ou falsas?

Além da preocupação com a saúde, canto e porte do pássaro a ser adquirido outro ponto de suma importância é como saber se a anilha é verdadeira ou falsa? Este é um dos principais dramas dos criadores que ao adquirir pássaros de criadouros comerciais ou de amadoristas se fazem valer apenas da confiança na pessoa que vende ou sede o pássaro para seu plantel e que inocentemente podem acabar transformando um hobby saudável em um pesadelo com uma simples visita da fiscalização em sua residência. Inúmeras vezes questionei o IBAMA solicitando as informações quanto as medidas adequadas das anilhas e em todas as solicitações não obtive respostas...
Para ajudar um pouco descrevo nesta postagem  o uso do paquímetro em anilhas 2,8mm utilizadas nos canários da terra e azulões. Descrevo apenas o teste em anilhas 2,8mm pois são estas que tenho para desenvolver este pequeno estudo de medidas.

É importante para este teste conhecer o uso do paquímetro, ferramenta de medição com escala em milímetros e polegadas que mede largura interna/externa e também profundidade do objeto a ser medido. Na internet há várias postagens de ensino do uso desta ferramenta.


Vamos ao que interessa!

01º passo: a origem das medidas - padrão de verificação
Como fiz a análise: tenho estocadas 3 anilhas 2,8mm que retirei no Ibama a +/- 3 anos e que tenho certeza de serem originais. Estas anilhas serviram de base para as medidas padrão a serem adotadas para verificação das demais 2,8mm do meu plantel;

02º passo: medida das anilhas
Como a medida de 2,8mm é resultado interno da anilha não temos como fazer esta medição internamente pois o espaço necessário para verificação é ocupado pela perna do pássaro, então a medida a ser verificada é externa. Na avaliação das minhas anilhas pude verificar os seguintes valores:
  • 01ª anilha: valor externo de 3,95mm;
  • 02ª anilha: valor externo de 3,90mm;
  • 03ª anilha: valor externo de 3,90mm.

Externamente nenhuma anilha é igual a outra assim como também existe margem de erro no próprio paquímetro portanto acredito haver uma pequena tolerância da fiscalização, no meu caso percebi diferença de 0,05mm em uma das anilhas com relação as demais e acredito que a fiscalização deva tolerar até 5% de diferença na leitura.
Também fiz a medida da altura da anilha, todas as 2,8mm que tenho são de 5mm cravados porém não sei se este tipo de medida é válida para fiscalizar por precaução segue a informação.
Como são poucas as informações fornecidas na legislação, no SISPASS e no IBAMA sem o aprendizado do uso do paquimetro fica praticamente impossível ter a certeza de que você está adquirindo um pássaro devidamente legalizado. A comparação de anilhas que você tem certeza que são legais facilita o estudo. No meu caso comprei o paquímetro para tirar dúvidas e mais dúvidas de que realmente meu plantel esteja de acordo com as normas do IBAMA. Já para o final deste ano de 2011 surgirão as anilhas de Aço INOX que garantirão tranquilidade aos criadores que adquirirem as novas gerações de filhotes pois estas anilhas serão a prova de falsificações.
Abaixo foto de medida externa de uma das anilhas.

Esta é a reedição desta postagem que visa atualização de informações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário: Críticas, Sugestões e Elogios...